Space Star o carro descomplicado da Mitsubishi

|AUTOCLUBE

Um puro citadino, estrategicamente instalado entre os segmentos A e B, está mais atraente e pronto para a batalha urbana.

Space-Star-Abertura-840

Tudo passa pela atitude de um carro vocacionado para simplificara a vida a quem necessita de se deslocar nos grandes centros urbanos e, ao mesmo tempo, contar com algum requinte e espaço interior para 5 passageiros. A Mitsubishi entendeu ter chegado a altura ideal para modernizar o seu citadino, dando ao Space Star um novo olhar com um design dianteiro baseado na imagem da marca, através do “Dynamic Shield” e de novos faróis. Na traseira também houve alterações, essencialmente no para-choques mais robusto e novos farolins.

Por dentro as alterações são mínimas, embora a qualidade tenha sido bastante melhorada e os estofos alterados. O sistema multimédia, com navegação, acompanha os novos ritmos e a conectividade é simples, mas bastante eficaz. A qualidade e fiabilidade do construtor japonês está patente num automóvel concebido para as cidades, confortável para os cinco ocupantes e que oferece baixos custos de utilização a um preço de compra acessível.

Em Portugal o Mitsubishi Space Star assenta a sua oferta na versão com equipamento Intense, onde se destacam o Bluetooth, Cruise Control, ambos com comandos no volante, ar condicionado automático, assistente de arranque em subida, faróis de nevoeiro, sistema de acesso sem chave e botão de arranque, jantes de liga leve de 15”, vidros elétricos e sensores de luz e de chuva entre outros.

O Space Star conta com um motor de 3 cilindros de 1,2 litros com 80 cv, podendo ser equipado com uma melhorada caixa manual de 5 velocidades, ou com a caixa de variação continua CVT, ideal para uma utilização urbana. A chegada à rede de concessionários está prevista para o início de março, e os preços iniciam-se nos 15.250€ da versão Intense com caixa manual, adicionando 1.200€ caso se opte pela versão com caixa CVT e bancos em parcialmente em pele. A Connect Edition posiciona-se num patamar intermédio, por 15.750 €. No entanto, uma campanha coloca o preço nos 12.350€ para a versão com caixa manual.

scroll up